Blog do Mauro Beting

Arrascaeta! Cruzeiro 1 x 0 América

Mauro Beting

Onze clássicos sem vitória americana no novo Mineirão. É muita coisa e muito tempo. E melhor sorte não merecia o Coelho pelo que fez contra o líder do MG-18. Não fossem alguns tiros de longe, Fábio não teria mostrado o excelente serviço de sempre.

No mais, só deu João Ricardo. O goleiro do América que impediu com pelo menos quatro boas defesas a vitória ainda maior do Cruzeiro do artilheiro Rafinha. Do Fred sempre perigoso. Do Edilson que vai se ajeitando pela lateral. Do Ariel Cabral que pode e deve se soltar mais com a ajuda do Robinho.

E do Arrascaeta que se iguala na artilharia gringa celeste com o Montillo. Mas que para mim a ultrapassou pelo gol que valeu mais do que os justos três pontos no clássico. Não foi apenas o mais lindo gol dele pelo Cruzeiro. Foi um dos mais espetaculares voleios que o Mineirão (em tarde de maior público no Brasil em 2018) presenciou. Para não dizer um daqueles gols que quem estava lá vai dizer pra sempre. Eu fui naquele clássico do gol do Arrascaeta. Eu vi mais uma vitória do Cruzeiro que vai longe em 2018.