PUBLICIDADE
Topo

Paulo Autuori no Furacão 

Mauro Beting

07/03/2016 19h19

 

Paulo Autuori pode ser a nova vítima da guilhotina rubro-negra. FOTO: Foxsports

 

O trabalho que fez no Botafogo-95 é para aplaudir em pé com um elenco que não recebia salários por mais de cinco meses e foi campeão brasileiro.

O trabalho que deu continuidade ao de Leão no São Paulo, dez anos depois, deu no tri sul-americano (contra o próprio Atlético) e no tri mundial tricolor.

Os trabalhos que tem feito nos últimos 10 anos não estão à altura de tudo que conquistou, e do muito que é capaz.

Autuori teve problemas de saúde na família que atrapalham qualquer um, ainda mais pessoa tão correta, e claro que não ajudaram no retorno ao Brasil. Não teve grandes elencos no período e muito tempo nos clubes em que passou. Também não ajuda.

No Atlético Paranaense que troca de treinador mais que o Fluminense troca de treinador e de camisa, é muito difícil que ele vá ter vida longa.

Torço com fervor. Pessoas competentes e sérias e comprometidas como ele merecem mais oportunidades e ainda mais sucesso. Mas a sucessão dele em clube tão instável, infelizmente, é tema recorrente.

Uma pena.

Tem sido assim com ele. É quase sempre assim no Atlético. Nesta década são 15 treinadores trocados. Exemplo no Brasil e na América do Sul de ousadia na gestão. Mas com algumas práticas que não combinam com a modernidade professada e muitas vezes conquistada.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o Autor

Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 17 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV. Curador do Museu da Seleção Brasileira, um dos curadores do Museu Pelé. Trabalhou nos jornais Folha da Tarde, Agora S.Paulo e Lance!, nas rádios Gazeta, Trianon e Bandeirantes, nas TVs Gazeta, Sportv, Band, PSN, Cultura, Record, Bandsports, Foxsports, nos portais PSN, Americaonline e Yahoo!, e colaborou nas revistas Placar, Trivela e Fut! Lance. Está na imprensa esportiva há 28 anos por ser torcedor há 52. Torce por um jornalismo sério, mas corneta o jornalista que se leva muito a sério

Sobre o Blog

O blog fala, vê, ouve, conta, canta, comenta, corneta, critica, sorri, chora, come, bebe, sofre, sua e vive o nosso futebol. Quem vive de passado é quem tem história para contar. Ele tem a pretensão de dar reload no que ouvi e li e vi e fazer a tabelinha entre passado e presente para dar um toque no futuro.

Blog do Mauro Beting