PUBLICIDADE
Topo

Blog do Mauro Beting

Grande duelo tricolor. Grêmio 2 x 1 São Paulo.

Mauro Beting

27/07/2018 10h54

O Grêmio tem sido o melhor time do Brasil desde o ano passado. Com aquela peculiar capacidade tricolor de resgatar talentos perdidos ou nunca dantes vistos com crias de qualidade como Everton e Luan.

O São Paulo tem se saído muito melhor do que a encomenda. Diego Aguirre arrumou a casa e em especial a casinha. Apertou e aproximou linhas. Estreitou a marcação. Apostou em quem parecia perdido como Diego Souza, recuperou Nenê e ajustou com esse dínamo que é Everton. É outro Tricolor que via longe no BR-18.

Mas o futebol NO BRASIL, não necessariamente o brasileiro, continua longe do ideal quando atletas mais se jogam do que jogam. Mais cavam faltas e covas do que lugares melhores para viver. Mais reclamam de qualquer falta do que aceitam reclamações pelo que não jogam.

No bom e disputado jogo que poderia ser melhor como o nosso calendário na Arena, em duas oportunidades no mínimo jogadores tiveram chiliques quando cometeram faltas duras e desnecessárias que eles acharam que foi "na bola". E foi só na bala.

Não era preciso. Ainda mais com o bom jogo que fizeram. Como no final da primeira etapa. Depois de o São Paulo abrir o placar aos 3 em raríssima falha de Geromel, o jogo ficou a caráter pro contragolpe paulista. Em um deles, Diego Souza fez tudo certo e deu o gol ainda mais certo para Nenê só não ampliar porque Kanneman salvou brilhantemente. Acendendo a Arena e, na sequência, em belo passe de Maicon para Everton (o melhor tricolor em 2018) rabiscar ainda mais bonito e empatar.

O segundo tempo começou com a bola que esses times podem entregar. Diego Souza só não marcou um golaço porque Marcelo Grohe fez outra defesaça, com um minuto. Aos 15, o já vendido Militão errou um passe que nada tem a ver com isso (mas será exaustivamente discutido…) e Everton aproveitou com a notável eficiência.

Faria outro impedido aos 27. E mais uma vez fez muito bem o Grêmio que vai longe onde quiser. Como o São Paulo segue se superando.

Sobre o Autor

Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 17 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV. Curador do Museu da Seleção Brasileira, um dos curadores do Museu Pelé. Trabalhou nos jornais Folha da Tarde, Agora S.Paulo e Lance!, nas rádios Gazeta, Trianon e Bandeirantes, nas TVs Gazeta, Sportv, Band, PSN, Cultura, Record, Bandsports, Foxsports, nos portais PSN, Americaonline e Yahoo!, e colaborou nas revistas Placar, Trivela e Fut! Lance. Está na imprensa esportiva há 28 anos por ser torcedor há 52. Torce por um jornalismo sério, mas corneta o jornalista que se leva muito a sério

Sobre o Blog

O blog fala, vê, ouve, conta, canta, comenta, corneta, critica, sorri, chora, come, bebe, sofre, sua e vive o nosso futebol. Quem vive de passado é quem tem história para contar. Ele tem a pretensão de dar reload no que ouvi e li e vi e fazer a tabelinha entre passado e presente para dar um toque no futuro.

Blog do Mauro Beting