Topo
Blog do Mauro Beting

Blog do Mauro Beting

São Paulo melhor do que em 2018

Mauro Beting

17/01/2019 11h10

É a maior fila estadual da história do clube com melhor média de títulos no país. Amenizada pelo tri continental e mundial naquele mesmo 2005, e pelo tri brasileiro que começaria em 2006 até a arrancada espetacular de 2008.

Ainda teve a Sul-Americana de 2012 com Lucas voando. Mas, desde então, são os piores anos tricolores. Ainda com um vice brasileiro em 2014 com time de estrelas. Uma semifinal inusitada de Libertadores-16. Um BR-18 melhor que a encomenda até a previsível queda pela falta de elenco que, em 2019, o São Paulo tem mais. Tem melhor. E tem o entrosamento natural de 2018. E com ótimos reforços para temporada cheia pela Florida Cup, e pela dura fase inicial da Libertadores.

Essa falta da pré-temporada mais adequada, além dos compromissos pesados logo de cara, podem perturbar o ano. Ou, pelo von lado, se tudo der certo na Liberta, animar para a disputa do estadual que não e prioridade. Mas que precisa ser reconquistado. E pode mesmo, também pelas armadilhas do regulamento.

André Jardine pode ser o comandante da retomada. Sabe bastante. Gosta do jogo que esse elenco tem como jogar – se quiser. Se puder, e eles têm que poder porque têm poder, Raí, Vagner Mancini e Lugano precisam blindar a comissão técnica e jogar duro com o elenco que também deu mole no final colérico de Aguirre.

Na bola, os possíveis titulares são-paulinos já mostraram capacidade contra os titulares do ótimo Ajax que venceram no primeiro tempo em Orlando. Mantidos, com os devidos rodízios que Felipão mostrou necessários em 2018 no vizinho de muro, dá para ter uma temporada ainda mais competitiva.

O time da foto é um dos possíveis. Com Hernanes (baita contratação) dando um pé atrás e também à frente, com velocidade e qualidade pelos cantos, e a capacidade e inteligência de Pablo na frente. Ótimo reforço. Caro, mas muito bom.

Como seguem importantes Diego Souza e Nenê, que precisam entender e compreender eventuais bancos. Rojas fará falta. Mas Biro-Biro pode ser boa solução.

Liziero e Luan seguem como promissoras opções no meio. Leo é bom reforço pra esquerda. Igor Vinicius ainda precisa ser testado. Como Bruno Peres pode jogar mais. Trazer um zagueiro depois da partida – necessária – do desgatado Rodrigo Caio seria bom.

Na meta, a insegurança de Sidão será bem substituída por Tiago Volpi. Ainda espero mais de Jean. E do São Paulo inteiro.

2019 pode ser melhor. O problema é que outros rivais seguem fortes. Ou até mais fortes e encorpados.

Sobre o Autor

Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 17 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV. Curador do Museu da Seleção Brasileira, um dos curadores do Museu Pelé. Trabalhou nos jornais Folha da Tarde, Agora S.Paulo e Lance!, nas rádios Gazeta, Trianon e Bandeirantes, nas TVs Gazeta, Sportv, Band, PSN, Cultura, Record, Bandsports, Foxsports, nos portais PSN, Americaonline e Yahoo!, e colaborou nas revistas Placar, Trivela e Fut! Lance. Está na imprensa esportiva há 28 anos por ser torcedor há 52. Torce por um jornalismo sério, mas corneta o jornalista que se leva muito a sério

Sobre o Blog

O blog fala, vê, ouve, conta, canta, comenta, corneta, critica, sorri, chora, come, bebe, sofre, sua e vive o nosso futebol. Quem vive de passado é quem tem história para contar. Ele tem a pretensão de dar reload no que ouvi e li e vi e fazer a tabelinha entre passado e presente para dar um toque no futuro.

Mais Blog do Mauro Beting